' '

14 de setembro de 2023

Checklist Disney • Setembro de 2023

Veja aqui os gibis Disney que saem neste mês. Destaque para O GRANDE ALMANAQUE DISNEY, com uma misteriosa aventura do Superpato e o segundo episódio da série que conta a juventude de Cornélio Patus, o avô de Vovó Donalda que fundou Patópolis. 


___________________________________________________________

★ CULTURAMA:


PATO DONALD #54 (2536*)
Publicação mensal, formato 13,4 x 19,5 cm, 64+4 páginas, lombada canoa, capa couché, miolo offset cor, R$ 9,90. 
[Edição #1900, 2ª série • Todas as séries: 1ª série: Editora Abril, jul/1950 a jul/2018, 1.845 edições, até o #2481 (*a numeração ímpar entre #578 e 1750 foi atribuída pela Abril a ZÉ CARIOCA) • 2ª série: Culturama, #0 (2482*) em mar/2019.]
Abrimos esta edição com “Procuram-se problemas desesperadamente”, em que o detetive Donald investiga quem quer prejudicar seu amigo dono de um bar da cidade. Depois temos “Tick tock...” Nela, Donald compra um relógio em forma de gato, mas quem não fica muito contente com a novidade é Romrom, seu felino de estimação! Em “Rubra imaginação”, Tio Patinhas descobre que a pintura da caixa-forte está descascando e recruta Donald para pintar novamente o edifício. E fechamos com a espetacular “Quem é o Pato Donald?”, onde um jornalista quer descobrir, para um artigo em um jornal, quem o Donald realmente é, então ele entrevista amigos e familiares, e o final desta história é emocionante.

• Tradução: (1, 2, 3, revisão das demais) Edenilson Rodrigues-Lazaro (Planeta Gibi).



MICKEY #54 (966)
Publicação mensal, formato 13,4 x 19,5 cm, 64+4 páginas, lombada canoa, capa couché, miolo offset cor, R$ 9,90.
2ª série • Todas as séries: 1ª série: Editora Abril, out/1952 a jul/2018, 911 edições • 2ª série: Culturama, #0 (912) em mar/2019.
Abrimos a edição com “Engenheiros de naves espaciais”, mais uma HQ da série em celebração aos 100 anos da Disney, inspirada na animação “Engenheiros desastrados”. A trama se passa cem anos no futuro, quando Mickey, Pateta, Minnie e Donald correm contra o tempo para finalizar a construção de uma nave estelar e assim fugir de uma estação espacial antes que seja destruída por um asteroide! Depois temos “Menos ambições, amenas preocupações”, uma história em que Pateta se candidata a vereador! E fechamos com “A ilha dos sinfônios”, na qual Minnie vai parar, acidentalmente, numa ilha onde tudo é musical.

• Tradução: (1, 2, revisão das demais) Edenilson Rodrigues-Lazaro (Planeta Gibi).



TIO PATINHAS #54 (692)
Publicação mensal, formato 13,4 x 19,5 cm, 64+4 páginas, lombada canoa, capa couché, miolo offset cor, R$ 9,90.
2ª série • Todas as séries: 1ª série: Editora Abril, dez/1963 a jul/2018, 637 edições • 2ª série: Culturama, #0 (638) em mar/2019.
Abrimos esta edição com a divertida “Os tesouros do oceano: os Irmãos da Costa”. Nela, Tio Patinhas e Batista estão em Veneza para participar de um leilão de artefatos antigos. Eles acabam adquirindo um misterioso baú, onde encontram um mapa com coordenadas geográficas. Pesquisando no computador, o milionário descobre que aquelas coordenadas remetem a uma ilha remota no mar do caribe, onde o tesouro de um pirata pode estar escondido! em “A teoria polêntico-quântica”, Margarida aparece como apresentadora de tevê e, para levantar a audiência de seu programa, ela quer entrevistar um famoso, mas recluso, cientista. Para a tarefa de convencê-lo a ir ao programa, ela convoca Donald e Gastão! E fechamos a edição com “O banco predileto”, em que Tio Patinhas convenceu o prefeito a construir um estacionamento no lugar de um parque onde está o banco favorito do Donald.

• Tradução: (2, 3, revisão das demais) Edenilson Rodrigues-Lazaro (Planeta Gibi).



AVENTURAS DISNEY #54 (103)
Publicação mensal, formato 13,4 x 19,5 cm, 64+4 páginas, lombada canoa, capa couché, miolo offset cor, R$ 9,90.
2ª série • Todas as séries: 1ª série: Editora Abril, ago/2005 a jul/2009, 48 edições • 2ª série: Culturama, #0 (49) em mar/2019.
Na HQ “O antiestresse Bombom”, que abre este volume, o Prof. Pardal está muito atarefado, entre trabalho a terminar e clientes irritantes, vizinhos, fila de bancos, etc. Então ele contrata Bombom Sorriso, recém-desempregado, para cuidar de todas as tarefas mais estressantes. (Levante a mão aí quem acha que essa não foi uma ideia muito boa!) E, na excelente “O ouro dos confederados”, Mickey tem que provar a inocência de seu bisavô, Capitão Mouse, que em 1865, em meio à Guerra de Secessão, foi acusado de roubo do lendário ouro dos confederados!

• Tradução: (1, revisão das demais) Edenilson Rodrigues-Lazaro (Planeta Gibi).



HISTÓRIAS CURTAS #50
Publicação mensal, formato 13,4 x 19,5 cm, 64+4 páginas, lombada canoa, capa couché, miolo offset cor, R$ 9,90.
1ª série: Culturama, #1 em ago/2019.
“Um roubo hipnótico”: assim começa a nossa edição, com os irmãos Metralha hipnotizando o Donald para roubar a caixa-forte do Tio Patinhas! Em “O furto enigmático”, Mickey investiga por que a revista de enigmas que o Pateta assina anda desaparecendo. Em “A herança inesperada”, um bilionário nomeia Donald seu herdeiro! Para completar o time deste gibi, ainda temos Indiana Pateta, Prof. Pardal, Superpateta e um festival de personagens Disney. E mais: divertidas e coloridas páginas de atividades para você avaliar sua compreensão das histórias e ampliar seu vocabulário!

• Tradução: (1, 8) José Rivaldo Ribeiro (Planeta Gibi); (3 a 7, 9, revisão das demais) Edenilson Rodrigues-Lazaro (Planeta Gibi).



O GRANDE ALMANAQUE DISNEY #23
Publicação bimestral, formato 15 x 21 cm, 192+4 páginas, lombada quadrada, capa cartão com reserva de verniz, miolo offset cor, R$ 39,90.
1ª série: Culturama, #1 em abr/2019. (Em 1977, a Editora Abril lançou uma coleção de fascículos gigantes com este mesmo título, depois encadernáveis em volume único. A Abril também lançou, em formato diferente deste da Culturama, o ALMANAQUE DISNEY, de dez/1970 a jun/2018, 385 edições, com intermitências na circulação.)
"Dias de Desonra" é uma superaventura inédita estrelada pelo Superpato, na qual ele é preso e acaba indo para uma penitenciária – junto de muitos dos bandidos que ele ajudou a prender! Depois, em "Há Algo na Neblina", Mickey e Minnie chegam a uma enevoada cidadezinha, onde sumiços misteriosos começam a ocorrer. Até que o próprio Mickey desaparece, obrigando Minnie a investigar sozinha os acontecimentos! Na divertida "Uma Casa do Barulho", Peninha só quer uma tarde silenciosa para ler um bom livro, mas descobre que isso será mais difícil do que ele imagina. Por fim, você sabe que Cornélio Patus é o fundador de Patópolis, avô da Vovó Donalda e... o que mais? Em "O Estado Fora do Mapa", temos mais uma aventura com ele!

• Tradução: Edenilson Rodrigues-Lazaro (Planeta Gibi) •  (Artigo Um Personagem Historico em Bico e PenasJosé Rivaldo Ribeiro (Planeta Gibi).

 




• Veja neste link um guia de todas as publicações da Culturama com HQs Disney.
___________________________________________________________

★ PANINI:

• Nenhum título com HQs Disney anunciado para este mês.

• Veja neste link um guia de todas as publicações da Panini com HQs Disney.
___________________________________________________________

★ PLANETA:

• Nenhum título com HQs Disney anunciado para este mês.
___________________________________________________________

★ UNIVERSO DOS LIVROS:

• Nenhum título com HQs Disney anunciado para este mês.

• Veja neste link um guia de todas as publicações da Universo dos Livros com HQs Disney.

___________________________________________________________


★ Fonte: Banco de Dados Planeta Gibi, divulgação.
★ Reprodução de artes e fotogramas: para fins de divulgação. Artes e personagens são de propriedade de seus criadores/licenciadores. A qualidade gráfica aqui exibida é inferior à original.
 Sinopses (em azul e itálico) e informações sobre preço de capa, estrutura do título e da edição, extensão prevista de um título ou de uma coleção: são dados divulgados pelas editoras.
★ Observações entre colchetes: são dados livremente atribuídos pelo Planeta Gibi para fins de colecionismo.
★ Colaboração: o Planeta Gibi colabora com as publicações Disney da Culturama traduzindo, escrevendo artigos e prestando assessoria com base em nosso acervo e banco de dados.
★ Comercialização: o Planeta Gibi só se responsabiliza por compras efetuadas em sua loja. 
★ Dúvidas e sugestões: escreva para o editor do Planeta Gibi Blog.
★ Publicado originalmente em 14/set/2023.
★ Atualizado pela última vez em 14/set/2023.
___________________________________________________________



17 comentários:

  1. Um bilionário no fundo do mar em um submarino compacto? Seria a época certa para publicar essa história?

    ResponderExcluir
  2. Cadê a capa da "English Comics", foi cancelada?

    ResponderExcluir
  3. gostaria de saber a panini comics nao vai publicar a linha disney ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conforme postado no Planeta Gibi há algum tempo atrás, provavelmente a Panini desistiu de continuar com as publicações disneyanas. Se não estiver equivocado, desde março deste ano a editora colocou as revistas disponíveis em seu site em promoção, incluindo as últimas (Juventude do Mickey e Kingdom Hearts II: coleção definitiva, volume 5), antes mesmo destas duas chegarem às bancas.

      Excluir
    2. O Planeta Gibi apenas indicou um link sugerido por um leitor. A Panini jamais disse que deixaria de publicar Disney. Nós, do Planeta Gibi, tampouco temos informação sobre isso. Por esse motivo, aliás, nunca excluímos a Panini dos checklists mensais Disney. Abs. Edenilson.

      Excluir
    3. E a Panini também não tirou o logotipo da Disney do site. Devem estar esperando um melhor momento para voltar os lançamentos. Ou empurrando o contrato com a barriga. Podemos imaginar o que quisermos enquanto não se pronunciarem.

      Excluir
  4. Esperando as mensais chegarem da assinatura... já o grande almanaque peguei com o cashback(uma pena ter que acabar... ajudava bastante)que está muito boa essa capa e a hq de abertura então nem se fala(sou suspeito falar.. já que amo as hqs do super)!! Abraços a todos, rs ;)

    ResponderExcluir
  5. Não citei que quem informou é o Planeta Gibi. E sim, foi publicada a matéria (de acordo com o que foi escrito, o youtuber Alex é quem forneceu a informação). O que me leva a crer sobre o fim das publicações disneyanas é entre outras razões, as citadas revistas continuaram com preços promocionais na loja da editora mesmo estando disponíveis nas bancas, revistarias e sites como a Amazon, por exemplo. Ou seja, quem comprou no diretamente na loja da Panini, economizou dinheiro. Quanto ao logotipo, ela está presente para direcionar a quem tiver interesse em adquirir as revistas disponíveis no site da Panini. Na parte superior, em letras menores (pode ler os da Marvel, DC Comics, Planet Mangá e Maurício de Sousa, enquanto que o da Disney, foi excluída). Se não estiver equivocado as últimas publicações saíram em fevereiro. Ou seja, é para desconfiar ou não do fim das publicações Disney por parte da editora Panini?

    ResponderExcluir
  6. Está cada vez mais difícil ler esses gibis Disney. Desenhos esdrúxulos, feios, com histórias sem cabimento. Principalmente os italianos. Consigo ler e reler várias vezes um gibi das décadas de 70 ou 80 e não consigo terminar de ler um desses atuais. Quem aguenta ver um desenho de um pato com o bico quebrado, vesgo, e outros defeitos?? Qualidade Disney zero!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pessoal da editora Culturama ignora as reclamações dos leitores/colecionadores sobre a péssima qualidade dos desenhos. Corrado Mastantuono, Stefano Intini, Silvia Ziche, estão entre os piores. São raros os desenhistas italianos que se salvam... Outros podemos qualificar como razoáveis ou bons. Entre ótimo e excelente, uma das raras exceções é o mestre Marco Rota. Por que não importam mais hqs da Holanda e da Dinamarca? Não é à toa que muita gente está desistindo de comprar. Ao adquirirmos edições das saudosíssimas publicações da editora Abril, principalmente até o início dos anos 80, percebemos a diferença da qualidade dos quadrinhos. Parecem obras de arte, enquanto os atuais...

      Excluir
  7. Concordo!!! São os italianos seguindo a tendência dos cartoons neuróticos e mal desenhados, com características disformes e disfuncionais...

    ResponderExcluir
  8. Obrigado Hélio! Você complementou e expressou o pensamento de milhares de leitores. Só na minha cidade conheço vários que desistiram de comprar gibis Disney por causa da má qualidade dos desenhos. É fato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Receita para o desastre: desenhos feios, republicações e quatro páginas com as porcarias de atividades. Criaram o personagem grotesco chamado Bombom. Esse é um exemplo perfeito da decadência dos desenhos Disney feitos na Itália.

      Excluir
  9. É tão difícil achar um traço e o artista ser reconhecido através dele que parece que todos já foram criados. Aí fica aquele traço padrão igual nas hq da MSP que chegar cansa... Eu particularmente curto mais as hqs no estilo Barkiano... mas não fico por ai chorando e dizendo que os traços são feio e distorcidos... coisa feia é ficar chorando por isso. Viva a diversidade!! ;)

    ResponderExcluir
  10. Ultimamente tenho adquirido centenas de revistas Disney que foram publicadas pela editora Abril; como Edição Extra, Pato Donald, Natal de Ouro, etc. Tendo o prazer de ter lido parte delas recentemente; o que chama a atenção, é que a brilhante equipe de desenhistas da editora paulistana, seja nas histórias em quadrinhos com o Peninha, (volta e meia colocando o seu primo Donald em frias e quando temos o privilégio de ver o Ronrom envolvido), percebemos o humor presente. O mesmo acontecendo nas hqs do Pateta, professor Pardal, Madame Min, Ludovico, Metralhas entre outros. As publicações italianas, parecem querer transformar as revistas disneyanas numa Marvel ou DC Comics, por vezes com histórias sisudas e sem graça. Não que deteste a Marvel ou a DC. Pelo contrário, gostava de ler e colecionar principalmente as revistas da DC Comics. Desfiz da maior parte da coleção destas duas gigantes de super-heróis (excetuando-se o crossover Marvel/DC, além de algumas revistas do Batman e poucas da Marvel que ficaram), porque na era Panini, o preço subiu substancialmente, diminuiu o número de páginas, além de vários títulos que foram lançados; tendo que optar quais as coleções em que eu daria continuidade. Optei por alguns títulos bonellianos, Asterix, Hanna-Barbera e Disney. Dificilmente hoje, lemos alguma hq Disney, produzida na Itália que tenha alguma história hilariante, engraçada.

    ResponderExcluir
  11. Havia entendido que a Culturama iria publicar somente histórias inéditas, mas nesse número de Mickey, a última HQ "A Ilha dos Sinfônios" já fora publicada em 2011 na revista Minnie 01 da segunda série da Abril, com o título "A Ilha do Sol-Fá-Mi". Sem mencionar que continuam as republicações de HQs já disponibilizadas em outros números da própria Culturama. Compreensível pelo momento mercadológico, mas uma lástima.

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de quem os escreve e não refletem a opinião do Planeta Gibi.

Não são permitidos comentários que incluam:

Termos ofensivos, agressivos ou pejorativos
• Qualquer link ou e-mail
• Qualquer menção a outro estabelecimento que comercialize quadrinhos
Assunto alheio ao tema da postagem em questão

Quer saber qualquer coisa sobre nossa loja, como itens a venda, pedidos etc.? Use o Fale Conosco, os fones ou o e-mail de atendimento disponibilizados em www.planetagibi.com. Comentários sobre esses assuntos não serão publicados aqui no blog.